banner meio ambiente

Às margens do reservatório da UHE Três Irmãos, compondo a Área de Proteção Permanente (APP), foram implantadas 1049 glebas de reflorestamento com espécies nativas da flora regional. Os monitoramentos realizados mostraram que essas áreas totalizam 30,05 km2 e se encontram em estágios diversos de desenvolvimento e conservação. Até o momento foram registradas nos reflorestamentos que compõem a APP o total de 66 espécies de flora, 197 de aves, 22 de mamíferos de médio e grande portes,19 de anfíbios e 7 de répteis.

antaRegistro de anta por meio armadilha fotográfica instalada em área de reflorestamento da UHE Três Irmãos.

Esses registros indicam que aos poucos os reflorestamentos estão sendo recolonizados pela fauna nativa, tendo sido registradas, inclusive, algumas espécies ameaçadas de extinção. Caso da árvore urundeúva (Myracrodruon urundeuva) considerada “vulnerável” à extinção pela resolução SMA 08/2008. Dentre a fauna destacam-se a anta (Tapirus terrestris) e a suçuarana (Puma concolor). Essas duas espécies de mamíferos são consideradas “vulneráveis” à extinção de acordo com a lista das espécies brasileiras ameaçadas (MMA, 2014).

A Tijoá vêm somando esforços na manutenção e no replantio de algumas glebas do reflorestamento para que essas áreas se consolidem ao longo do tempo, oferecendo abrigo e alimentação para um número ainda maior de animais.

 

mapa iconMAPA DO SITE - clique aqui para abrir

mapa iconMAPA DO SITE - clique aqui para fechar